Páginas

quinta-feira, 18 de dezembro de 2014

Lei que regulamenta carnaval de Olinda geral polêmica.


Para regulamentar o carnaval de Olinda, o prefeito Renildo Calheiros sugeriu um substitutivo para a Lei 5.306/2001, conhecida como Lei do Carnaval. A mudança da legislação foi tema de uma polêmica audiência pública, nessa quarta-feira (17), na Câmara Municipal. Artistas, moradores, produtores culturais e presidentes de blocos discordaram do substitutivo e pediram que a legislação antiga seja colocada em prática. Alguns vereadores sugeriram a ampliação da discussão para uma possível votação no carnaval 2016.

O substitutivo, que já tem 42 emendas, traz uma série de pontos polêmicos. Um deles é o veto aos patrocinadores de blocos que não seja o patrocinador oficial do carnaval de Olinda. “Isso é abuso de poder. Os blocos não são da prefeitura”, contestou o presidente do Olindão, Alexsandro Paulo. Outra polêmica é a definição das ruas por onde devem passar os blocos. Para muitos, essa passarela vai marginalizar vias que também são polo, como a Rua Prudente de Moraes, mas que foram excluídas do roteiro oficial do desfile. “O prefeito aceitou a inclusão de algumas emendas e nesta quinta vamos voltar a discutir outras sugestões”, adiantou o vereador Arlindo Siqueira.

Nenhum comentário:

Postar um comentário