Páginas

quinta-feira, 12 de junho de 2014

Teste de coraçãozinho será realizado pelo SUS.


A partir de agora o teste do coraçãozinho faz parte do neonatal do Sistema Único de Saúde. É o exame de oximetria de pulso, que já é oferecido em algumas maternidades da rede pública de saúde.

Uma portaria do Ministério da Saúde, já publicada no Diário Oficial da União, torna o teste, conhecido como do coraçãozinho, obrigatório no neonatal em todo o SUS.

O exame pode diagnosticar de forma precoce doenças graves do coração graves e ajuda a diminuir o número de recém-nascidos que recebem alta sem a detecção de problemas que podem levar essas crianças à morte no primeiro mês de vida.

Para o teste, uma pulseira é colocada no bebê para medir a oxigenação no sangue. Assim, é possível confirmar se o coração está trabalhando normalmente. Em caso de dúvida, um ecocardiograma é realizado.


Esse exame deve ser feito entre 24 e 48 horas após o nascimento. É que no primeiro dia de vida algumas alterações no organismo do recém-nascido correm o risco de afetar o resultado.

Nenhum comentário:

Postar um comentário