Páginas

segunda-feira, 3 de outubro de 2016

COLUNA ENSAIO GERAL: ANALISE FINAL DAS ELEIÇÕES 2016

                   

         Terminado as eleições, vamos fazer um balanço do que aconteceu.


Por:
Alexandre Tenório

OS VENCEDORES: Danilo Godoy que quebrou o tabu da reeleição, com uma votação de mais de 15 mil votos – Capitão Boanerges que abandonado pela a oposição (exceção de Coronel Campos), seguiu firme e teve quase 9 mil votos – As campanhas de Danilo e do Capitão que fizeram uma campanha limpa sem agressões, a mais calma de toda história política de nossa cidade – Né Padilha que sozinho quase ganha às eleições em Rainha Isabel – Carlinho da Dengue que mesmo sem condições financeira teve uma grande votação – A comemoração da vitória que foi calma e tranquila como a campanha – os ex-vereadores Alípio Soares e Luizinho da Malharia que deram a volta por cima e foram eleitos para um novo mandato da casa de Dantas Barreto.

 OS PERDEDORES: O grupo político da ex-prefeita Judite Alapenha que se desmantelou ao sair da oposição e apoiar a reeleição de Danilo – O senhor Washington Azevedo que deu uma votação pífia ao seu candidato a vereador João Barra – O senhor Audálio Ferreira que deu uma votação pífia a Rob Araújo -  O vereador Deda que teve uma votação pífia para sua reeleição – Os vários candidatos a vereador que sem ter a mínima condição de ganhar, inventam de serem candidatos – O senhor Emanuel Luna que depois de fazer campanha por mais de 3 anos para prefeito, batendo na administração do prefeito Danilo Godoy, resolveu subir no palanque do prefeito – A desorganização da campanha do Capitão Boanerges, chegou ao cumulo de não ter um só fiscal nas seções e não ter uma só pessoa na Praça Dom Pedro II orientando as pessoas que iriam para os distritos, prova o quanto ele está despreparado para enfrentar uma política – A ex-prefeita Judite Alapenha que depois de ver seu afilhado político Emanuel Luna não decolar e renunciar a pré-candidatura lavou as mãos nestas eleições.

OS INJUSTIÇADOS: O vereador Geninho Tavares que teve mais de 1200 votos e não foi eleito, consequência da fórmula eleitoral que não elege os candidatos mais votados e sim o voto de legenda – Dr. Petrúcio Borges que teve poucos votos, com isto nossa cidade perdeu de eleger um grande parlamentar – Osório Guarda depois de percorrer 50 km, distribuído mais de 100 mil santinhos teve apenas 39 votos.


         Parabéns para o povo de Bom Conselho, que mais uma vez mostrou ser uma cidade civilizada. Desejamos ao prefeito Danilo Godoy um bom segundo mandato. Viva Bom Conselho e viva a democracia.

Nenhum comentário:

Postar um comentário