Páginas

segunda-feira, 13 de junho de 2016

Emanuel Luna desiste de pré-candidatura a prefeito e emite nota oficial.

Após desistir de candidatura a prefeito de Bom Conselho, o empresário Emanuel Tenório Luna, enviou nota oficial a nossa redação, a qual reproduzimos abaixo:



"Quando uma decisão, como a que quero comunicar é tomada, há de se respeitar mesmo sem entender todas as razões que determinam essa decisão.

Quero comunicar que não irei levar adiante minha pré-candidatura a prefeito de Bom Conselho.

Antes de tudo, sei que esta decisão há de frustrar os anseios dos meus amigos, que de forma consciente e livre me apoiavam neste projeto e de parte da população que já se mobilizava para me confiar os destinos do nosso município.

Além do mais, devo uma explicação ao meu Pai, minha inspiração no mais puro de seu sonho, que seria dar a esse povo trabalhador e simples uma oportunidade de uma vida com mais dignidade.

O contexto que se afigura na campanha para a prefeitura de Bom Conselho não é promissor. Pude ver desde o início que se trata de um processo pouco democrático, onde métodos espúrios vêm sendo adotados para obtenção de apoios, o que deixa claro que o objetivo é apenas ganhar a qualquer custo ou maneira.

Peço aos que continuarem no processo que mostrem suas plataformas de trabalho, pois queremos escolher o melhor projeto para nossa terra, a disputa não deve ser apenas de nomes, mas principalmente de ideias. Devemos eleger a melhor proposta, a radicalização serve apenas para dificultar a escolha ao mascarar o verdadeiro perfil de cada candidato.

A política é essência, de vital importância, temos visto em nosso pais ao que a falta de capacidade de um gestor nos levou, boa vontade é importante, mas pode não ser suficiente para produzir mudanças.

Irei continuar lutando por um Bom Conselho melhor, nossa economia precisa ser revitalizada temos que sugerir na pauta dos pré-candidatos o compromisso inadiável de fomentar a produção para o homem do campo, introduzir novas técnicas e adequadas culturas à realidade de cada região. Nosso território é rico e diversificado, mas pouco produtivo, desenvolver programas para mudar esse descompasso é imensamente importante.

O projeto de fazer de Bom Conselho um lugar especial com crescimento baseado em trabalho e ideias inovadoras me incentivou a planejar minha candidatura, mas as circunstancias me levam à conclusão de que no momento isso não é possível.

Agradeço às pessoas de boa vontade que confiaram em mim, à minha família que compreendeu o meu ideal e aos meus amigos que partilharam comigo todos esses projetos.

Às vezes, há mais honra em renunciar do que trilhar um caminho sem luz."

2 comentários:

  1. Emanuel sabe o que faz: homem sensato, responsável e honesto dará no momento certo a resposta nas urnas.
    Corretíssimo na explicação, tem meu apoio e afeto.
    Ana Luna

    ResponderExcluir
  2. Fiquei feliz ao saber que meu amigo irmão tinha desistido de participar da política deste país e ficarei na torcida que ele nunca mais pense nisso porque no Brasil política não é coisa séria não é para homens de bem já não se faz política como antigamente hoje é um ninho de ratos um verdadeiro labirinto de becos escuros onde esconde roubos desonestidades onde só cabe bandidos e pessoas mal intencionadas sujando a honra de pessoas ou homens de bem que por ela passa meu irmão não merece este destino cruel quando soube do pensamento e incentivo para ele atravessar esse labirinto usei a força dos meus pensamentos que meu irmão já conhece para Deus livralo deste destino e fiquei feliz ao saber que Deus me escutou. Abraços irmão NAMASTE

    ResponderExcluir