Páginas

quarta-feira, 18 de novembro de 2015

Diocese de Garanhuns anuncia transferência de padres.



Em Comunicado divulgado em sua página oficial a Diocese de Garanhuns anunciou a transferência de párocos.

Publicamos na íntegra o comunicado:

COMUNICADO

Garanhuns, 17 de novembro de 2015.

Prezados irmãos e irmãs, graça e paz!

Nosso Senhor Jesus Cristo nos convoca a sermos servidores em plena consonância com a sua própria diaconia. O mundo nos apresenta cotidianamente novos e profundos desafios. Tendo em vista essas duas premissas e baseados no Cânon 523 do Código de Direito Canônico, queremos, por meio deste “Comunicado”, dar ao conhecimento da Diocese de Garanhuns as transferências de padres e diáconos realizadas nesta data.

Considerando:
a) Que o tempo razoável para a permanência dos párocos à frente de suas respectivas paróquias é de seis anos (CDC, Cân. 522; cf. Legislação Complementar da CNBB), pois esse período é suficiente para se desenvolver um ciclo de projetos ou de reestruturações físicas, pastorais e missionárias;
b) Que as transferências foram fruto ou de pedido explícito da parte do padre ou de profundo diálogo com os atores envolvidos, realizado num clima de liberdade e de plena aceitação, visando ao bem da Igreja;
c) Que, antes de fazermos as nomeações, consultamos o Conselho Presbiteral Diocesano com o intuito de clarear o perfil de padre para o perfil de paróquia;
d) Que não aceitamos trocas cruzadas entre padres e que, na medida do possível, com a transferência do pároco, devem também ser transferidos os vigários paroquiais, a fim de dar mais liberdade ao novo pároco que chega.

Assim, decidimos as seguintes nomeações:
1) LAJEDO (Paróquia de Santo Antônio): Pe. Marcos André Ferreira Gomes (Pároco); Pe. Edson Alves Viana (Vigário Paroquial); Diácono Pedro Igor Leite da Silva (colaborador e, depois da ordenação presbiteral, Vigário Paroquial);
2) ANGELIM (Paróquia de São José): Pe. Valdevan Bezerra dos Santos (Pároco);
3) ITAÍBA (Paróquia de Nossa Senhora Mãe dos Homens): Pe. José Aldo Mariano da Silva (Administrador Paroquial); Pe. Pedro Ferreira Sobrinho (Vigário Paroquial);
4) PANELAS (Paróquia do Senhor Bom Jesus dos Remédios): Pe. Cícero Félix da Silva (Pároco);
5) PALMEIRINA (Paróquia de Nossa Senhora da Conceição): Mons. Carlos André Vieira Alexandre Paes(Pároco);
6) CORRENTES (Paróquia de Nossa Senhora da Conceição): Pe. Francisco Carlos Palmeira Nunes(Pároco);
7) PARANATAMA (Paróquia de São Luís Gonzaga): Pe. Antônio Carlos Lins de Queiroz (Pároco); Pe. Ednaldo Ramos de Amorim (Vigário Paroquial);
8) BREJÃO (Paróquia da Santa Cruz): Mons. Alexandre de Melo Castanha Neto (Pároco);
9) SÃO BENTO DO UNA (Paróquia de Nossa Senhora do Rosário de Fátima): Pe. Antônio Elias dos Santos Filho (Pároco);
10) TEREZINHA (Paróquia de Santa Teresinha e dos Santos Luís e Zélia): Pe. Marcos Antônio Silva Serafim (Pároco);
11) ÁGUAS BELAS (Paróquia de São Sebastião): Pe. José Evandro da Silva (Pároco);
12) BOM CONSELHO (Paróquia de Jesus, Maria e José): Pe. José Gomes de Lima (Vigário Paroquial);
13) SÃO JOÃO (Paróquia de São João Batista): Mons. José do Patrocínio dos Santos (Vigário Paroquial);
14) SALOÁ (Paróquia de São Vicente de Paulo): Diácono Fábio Soares de Barros (colaborador e, depois da ordenação presbiteral, Vigário Paroquial);

15) SEMINÁRIO N.SRA. DAS DORES (Caruaru): Pe. Jeová Ribeiro Faustino (Formador).
16) CAPOEIRAS (Paróquia de São José): Pe. Jeová Ribeiro Faustino (Vigário Paroquial);
17) GARANHUNS (Paróquia de São Sebastião): Pe. Gabriel Belo Cavalcante (Pároco);
18) GARANHUNS (Quase-Paróquia – divisão da Paróquia de Nossa Senhora do Perpétuo Socorro – eSantuário da Mãe Rainha): Pe. José Émerson Alves da Silva (Administrador Paroquial e Capelão do Santuário); Pe. Silvano Machado da Silva (Vigário Paroquial);
19) GARANHUNS (Paróquia de Santo Antônio): Mons. Benevenuto Sátiro de Araújo (Vigário Paroquial); ademais: Diretor Espiritual no Seminário Propedêutico (Garanhuns);

Convocamos todas os padres e diáconos a serem transferidos para uma reunião no dia 1o de dezembro às 09h00 no Seminário São José (Garanhuns). Solicitamos, outrossim, que os párocos e administradores paroquiais iniciem o processo de transição conforme estabelecido nas determinações emanadas recentemente.
Profundamente agradecido a todos pela disponibilidade, aproveitamos a ocasião para pedir aos fiéis que acolham os seus respectivos pastores com solicitude e os acompanhe desde agora na oração.
Passado na Cúria Diocesana de Garanhuns sob o patrocínio de São José. 

X Dom Paulo Jackson Nóbrega de Sousa

Bispo Diocesano de Garanhuns

Nenhum comentário:

Postar um comentário