Páginas

sexta-feira, 16 de outubro de 2015

Quanto vale seu tempo?


  
Com os avanços tecnológicos, descobrimos o real valor do tempo. Ao longo do dia nos dividimos em escolas, cursinhos, faculdades, trabalhos, fica difícil parar nossos compromissos para tarefas básicas como fazer feira ou levar o carro num lava-jato.

Utilizar o tempo para dividir com a família, brincar com os filhos ou conversar com os vizinhos na frente de casa, foram trocados por conversas em redes sociais em mínimas quantidades Pouco se consegue fazer diferente, Imagina se numa tarde de folga, vamos pensar em fazer algo diferente de descansar e recompor as energias.

Muitas empresas decidiram fazer a diferença e zelar pelo tempo do cliente, é o caso da Lavajá, empresa de lava-jato que lava um carro com 300 mililitros de água, também usa da comodidade para fidelizar clientes e parceiros, para o empresário Érico Santos, a empresa vai até o cliente porque sabe que o tempo tá cada vez mais escasso. “Pensamos na diferença, no tempo em que estamos zelando pelo carro do cliente, ele pode estar confraternizando com a família, na academia ou até mesmo no trabalho”, afirma Érico.  

Por isso, nenhum avanço tecnológico jamais trará a mesma sensação de um abraço de quem se ama, nem todo valor é definido em códigos monetários. Use seu tempo de um jeito que não perca as belezas mais raras da vida. E sobre a frase: Tempo é dinheiro, pode ser dinheiro, mas pode ser abraço, carinhos, descanso e mais um monte de coisas, com ou sem “valores”.

Por:

Rômulo França.

Nenhum comentário:

Postar um comentário