Páginas

segunda-feira, 1 de dezembro de 2014

Preço da energia pode variar mensalmente a partir de janeiro de 2015



A partir de 1º de janeiro de 2015, o preço da energia pode variar mês a mês, porque passará a ser adotado um sistema de bandeira tarifária, que tem a finalidade de repassar imediatamente ao consumidor a alta do preço da energia praticada no mercado. Por exemplo, quando os reservatórios das hidrelétricas estiverem com pouca água e as térmicas produzindo uma energia mais cara, como está ocorrendo agora, esse adicional passará a ser cobrado na conta do cliente no mês seguinte.

As bandeiras serão verde, amarela ou vermelha. A aplicação delas será definida pelos representantes da Agência Nacional de Energia Elétrica e do Operador Nacional do Sistema, e vale sempre para o próximo mês.Na bandeira vermelha, serão adicionados R$ 3,00 para cada 100 quilowatt-hora (kWh); na amarela deve ocorrer um acréscimo de R$ 1,50 para cada 100 kWh e na verde não terá acréscimo. Esses são os preços que devem vir em janeiro. No final de dezembro, serão definidas as bandeiras de janeiro e assim sucessivamente



Um dos objetivos do governo federal ter adotado esse sistema é o fato de que o impacto da energia alta deste ano acabou fazendo com que as distribuidoras recorressem a empréstimos para pagar a alta do preço da energia e já há consultoria alegando que esses financiamentos vão resultar num reajuste de mais de 7% na conta de energia. Há especialistas que acreditam que esse impacto será maior, porque o consumidor não vai pagar só o empréstimo, mas também os juros dos financiamentos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário