Páginas

terça-feira, 25 de novembro de 2014

Justiça de Bom Conselho é destaque em imprensa de Pernambuco.


O Juízo da Comarca de Bom Conselho, pelo Juiz Marcelo Marques Cabral, em ação indenizatória interposta pelo Escritório Jurídico Renato Curvelo Advocacia, condenou a CELPE a indenizar a família de um agricultor em R$ 1.8 milhões pela morte do mesmo em decorrência de choque elétrico.

A brilhante decisão, de quilate igual as da mais alta corte no País (STF), mais parece uma aula de responsabilidade civil por danos morais e materiais do que uma própria decisão, tamanho brilhantismo.

A matéria de capa do Diário de Pernambuco de hoje (25), postada na “fanpage” do DP já tinha ultrapassado mais de 2 mil curtidas no início desta manhã. Com decisões deste nível, a CELPE, que só objetiva lucro, começa a repensar melhor na sua responsabilidade diante das obrigações como concessionária do serviço público.


Parabéns ao Dr Marcelo Marques Cabral, Juiz de Bom Conselho, e parabéns a equipe do Escritório de Advocacia Renato Curvelo, nas pessoas do Dr. Renato Curvelo, do Dr. Daniel Rosendo e da Dra. Amanda Soares.

Nenhum comentário:

Postar um comentário