Páginas

sábado, 19 de julho de 2014

Romero Ferro leva Sangue e Som ao Festival de Inverno de Garanhuns

Cantor e compositor se apresenta em sua terra natal neste sábado 19, às 18h, no Palco Pop.

  


O cantor e compositor Romero Ferro apresenta o show Sangue e som neste Sábado (19), às 18h, no Palco Pop, no Festival de Inverno de Garanhuns. As músicas do show estão no EP homônimo, lançado em Setembro de 2013. Assim como no mini-álbum, as músicas são, em sua maioria, composições próprias. Outras músicas autorais que vão estar no seu primeiro CD, que será gravado no segundo semestre desse ano fazem parte do show. Romero toca Violão, Uklele e Escaleta. No setlist do show estão também canções de Cazuza e Silva, além de Monomania, de Clarice Falcão, de quem Romero é primo.

Sangue e Som:


Cantor e Compositor Romero Ferro lançou seu trabalho Sangue e Som em Outubro de 2013 e fez Shows no teatro Eva Herz, Teatro de Santa Isabel, Marco Zero, Forte das Cinco Pontas ( Confraternização do Prefeito Geraldo Júlio) no Janeiro de Grandes Espetáculos onde lançou seu novo projeto "Cazuza de Pai e Mãe" e na Casa de Shows ESTELITA no Lançamento do Projeto RESERVA+.

No Carnaval 2014 Romero Ferro somou ao seu show autoral frevos de compositores novos, frevos de Carlos Fernando dentre outros levando pra Recife, Olinda e Arcoverde o Show Sangue, Som e Frevo. O Show foi construído por Romero e pelo produtor cultural Maurício Spinelli e tem como objetivo aproximar o público jovem do Frevo e mostrar que podemos ouvi-lo durante todo o ano.

A que dá nome ao EP, por exemplo, é um pop dançante, com refrão que gruda fácil. “É uma música gostosa de dançar e de ouvir, tem uma letra bem metafórica, cheia de jogo de palavras. O arranjo é bem experimental, tem algumas programações, uma bateria pouco uniforme e um som de cordas bem presente, que dão um caminho diferente à música”, conta Romero Ferro.

O show traz ainda a canção Ao fim, que é curta e direta; fala sobre como lidamos com perdas e ganhos, com as escolhas e suas consequências. “Acho que essa música traz mais fortemente a influência da poesia nas minhas canções. Tem um arranjo delicado, todo minucioso, violão dedilhado e alguns instrumentos percussivos”, entrega o cantor, leitor e fã de Mário Quintana, Clarice Lispector e Paulo Leminsk.

Lençóis e castiçais também está no EP e no show. A música tem um solo de sanfona; e conta a história de um presidiário, que após ser pego pela policia, arquiteta uma maneira de fugir do xadrez. Para isso ele induz a amada a ajudá-lo. Romero Ferro diz que “a música tem um pé no country, e te traz uma sensação de Sertão. Sempre quis que ela fosse bem visual, por isso usamos instrumentos característicos para compor um cenário imagético e levar o ouvinte para dentro da história”.

Arsenal, um brega que não deixa ninguém parado, foi gravado no EP com a participação de Zé Cafofinho, “Essa música foi uma surpresa para mim. É um brega, completamente, do arranjo à letra. Fala de uma noite de sexo, que se tornou um amor obsessivo, quase doentio. O arranjo conta com a presença de metais, violões e programações bem distribuídas”, revela Ferro. 


Teaser Show Sangue e Som FIG: http://www.youtube.com/watch?v=Ia-7LO3vr-8



Codinome Beija-flor ( Cazuza):http://www.youtube.com/watch?v=fGAa4Ni94VI

Monomania ( Clarice Falcão): http://www.youtube.com/watch?v=7MoOloEwizo

Serviço:
ROMERO FERRO - SHOW SANGUE E SOM 
Festival de Inverno de Garanhuns
Palco Pop l Praça Euclides Dourado

Sábado, 19 de Julho, 18h.

Nenhum comentário:

Postar um comentário