Páginas

terça-feira, 18 de março de 2014

DICA DE LEITURA: “PIXARPEDIA”
Por Fernando Chagas da Costa (*)



Se você, como eu, é amante de filmes de animação, certamente já assistiu e se apaixonou por diversas produções dos Estúdios de Animação Pixar, desde a primeira produção, que foi um grande sucesso, com Toy Story. Quem não lembra dos brinquedos do garoto Andy, que ganham vida própria? Woody, Buzz Lightyar, o Sr.Cabeça de batata, Rex e tantos outros que nos emocionaram, principalmente no fechamento da trilogia, em Toy Story 3, quando Andy, já adolescente, vai se desfazer daqueles que marcaram sua infância.

Ao todo, catorze longas construíram a marca da Pixar ao longo dos anos, tais como “Procurando Nemo”, “Ratatouille”, “Monstros S.A.”, “Os Incríveis”, entre outros, levando o estúdio a ganhar diversos Oscar, além de dezenas de Academy Awards, Globos de Ouro e Grammy Awards. Há também diversos curtas de excelentes qualidades.

Uma das mentes mais brilhantes que está por trás do grande sucesso da empresa é a do diretor e produtor John Lasseter, chefe de criação da empresa e responsável pelas duas maiores franquias (Toy Story e Carros).

Toda essa introdução foi para dar como dica uma obra para os amantes da Pixar. Trata-se de  “PIXARPEDIA – A Complete Guide to the world of Pixar...and beyond!”. Como o próprio título indica, é um guia complete para o mundo da Pixar e além (usando uma expressão de Buzz Lightyar).

O guia escrito a vinte mãos (são dez autores) é grande, capa dura, com 375 páginas (incluindo o glossário), com informações de cada filme, cada personagem, totalmente ilustrado. Importante frisar é que é totalmente em inglês, o que tem o lado positivo pois motiva-nos a aprender mais a língua.

Minha edição adquiri, por acaso, há uns três anos atrás, na livraria Saraiva, em uma viagem a São Paulo. Estava passeando pela livraria quando me deparei com essa relíquia. Foi “amor à primeira vista”.

Boa Leitura.

(*) Fernando Chagas da Costa é funcionário do Banco do Brasil há mais de 30 anos e professor universitário da área de exatas na Faculdade de Alagoas/FAL, vinculada a Estácio de Sá.

Nenhum comentário:

Postar um comentário